Panquecas, receita a guardar!

panquecas

O que levar para o lanche?

Bolachas? Talvez mas torna-se cada vez mais difícil fazer uma boa escolha. Lá variedade no mercado existe no entanto, ou estão cheias de açúcar, ou cheias de gordura. Existem boas opções mas comer sempre a mesma coisa torna-se repetitivo.

Tostas? também é uma opção mas nem sempre apetece!

Por isso, deixo-vos estas panquecas que podem ser feitas com alguma antecedência, guardadas num tupperware e consumidas nos dias seguintes. Têm como principais vantagens terem na sua composição flocos de aveia, fonte de fibra (ajuda na saciedade, na regulação do colesterol e no trânsito intestinal) e geleia de arroz, que resulta da germinação do arroz e da fermentação enzimática, tendo uma absorção mais lenta que o comum açúcar refinado o que faz dela uma melhor opção.

Além do referido, é uma receita que pode ser adaptada ao gosto de cada um. Não querem adicionar farinha de trigo, mudam para outra farinha como a de aveia; não querem leite normal, colocam um leite vegetal do vosso agrado; não querem geleia de arroz, colocam uma banana bem madura. Não há como não agradar a todos!!!

Podem come-las simples com um iogurte (liquido ou sólido), fazer uma “sandwiche” de queijo e fiambre com, por exemplo um chá ou café ou cevada, come-las com uma fatia de queijo e uma peça de fruta, as combinações são diversas e ao gosto de cada um 🙂

(10 a 12 panquecas)

1 chávena e meia de farinha de trigo com fermento

1 chávena de leite magro

2 ovos inteiros

1/2 chávena de flocos de aveia

2 colheres de sobremesa de geleia de arroz (cheias)

Numa taça colocar primeiro os ingredientes sólidos, fazer um buraco e depois adicionar o leite e os ovos batidos. Mexer bem e por fim adicionar a geleia de arroz. Voltar a mexer para incorporar tudo.

Colocar uma frigideira anti-aderente ao lume, até ficar bem quente. Com uma colher de servir a sopa pequena, deitar um pouco de massa na frigideira (conforme o tamanho que se quer a panqueca. Eu gosto delas pequenas e por isso coloco 2 a 3 bocados de massa de uma vez) quando começar a fazer “bolhas de ar” estão prontas a virar (podem reduzir um pouco o lume, senão queima). Repetir até a massa acabar.

Bom apetite!

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s